Com baixa procura, vacinação contra o sarampo é prorrogada até 31 de agosto em Foz do Iguaçu

Segundo a prefeitura, foram vacinadas 6% das pessoas do público-alvo da campanha, de pessoas de 20 a 49 anos.

Segundo a prefeitura, foram vacinadas 7.761 pessoas, o que representa 6% do público-alvo da campanha, de pessoas de 20 a 49 anos Reprodução / TV Globo Com baixa procura, a vacinação contra o sarampo foi prorrogada até 31 de agosto em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, de acordo coma a prefeitura.

A orientação para estender a campanha foi do Ministério da Saúde. Segundo a prefeitura, foram vacinadas 7.761 pessoas, o que representa 6% do público-alvo da campanha, de pessoas de 20 a 49 anos.

A campanha começou ano passado, quando teve início um surto do vírus no país.

As duas primeiras etapas foram realizadas em 2019, priorizando a vacinação de crianças de 6 meses a menores de 5 anos de idade, e jovens de 20 a 29 anos.

A segunda fase foi em fevereiro de 2020, compreendendo o público de 5 a 19 anos.

O Paraná está em surto de sarampo, com 1.839 casos confirmados, desde agosto de 2019. A vacina é disponibilizada na rede pública, nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs).

Segundo a prefeitura, para se vacinar é preciso levar comprovante de residência, documento pessoal e carteirinha de vacinação - caso tenha. Sarampo Arte G1 Veja mais notícias da região no G1 Oeste e Sudoeste.

Categoria:Paraná