Azul adia divulgação de resultados do 2º trimestre para 13 de agosto

Data prevista era 6 de agosto.

No primeiro trimestre, empresa teve prejuízo líquido de R$ 6,14 bilhões.

Avião da Azul Azul Linhas Aéreas/Divulgação A Azul Linhas Aéreas adiou a divulgação do informe de resultados financeiros do segundo trimestre de 6 para 13 de agosto, antes da abertura do mercado.

A teleconferência de resultados acontecerá no mesmo dia, de acordo com comunicado da companhia. No primeiro trimestre, já sentindo os efeitos da pandemia, a Azul reportou prejuízo líquido de R$ 6,14 bilhões.

Excluindo perdas com marcação a mercado e variação cambial, o prejuízo ajustado no período foi de R$ 975,3 milhões, ante um lucro ajustado um ano antes de R$ 113,4 milhões.

A receita líquida cresceu 10,3%, totalizando R$ 2,80 bilhões.

No início de julho, bastante afetada pela crise econômica provocada pelo coronavírus, a companhia área iniciou um processo de demissões.

A empresa não confirma quantos trabalhadores devem ser desligados, mas o Sindicato Nacional dos Aeroviários (SNA) fala em 1 mil pessoas.

Categoria:Economia